Resenha: As Vantagens de Ser Invisível – Stephen Chbosky


4# – Quarta

Todo filme traz algum tipo de sensação para a gente, seja ela boa ou ruim, é impossível fugir dela. Para alguns a sensação pode ser felicidade e para outros tristeza. No meu caso… as duas.

Charlie (Logan Lerman, de Percy Jackson e o Ladrão de Raios) é um garoto desajustado que está entrando no Ensino Médio (ou high school, se assim preferem) e está tentando superar sua crise de depressão, que lhe rendeu pensamentos suicidas, causada pela morte de melhor amigo. Como todos num colégio novo está tentando encontrar amigos e não ficar sozinho na verdadeira selva que é a escola. Logo ele encontra Sam (Emma Watson, de Harry Potter) e Patrick (Ezra Miller, de Precisamos falar sobre o Kevin), dois veteranos com quem consegue se misturar e tentar ser um pouco feliz.

As Vantagens de Ser Invisível (The Perks of Being a Wallflower, 2012), dirigido por Stephen Chbosky que teve a oportunidade de adaptar sua própria obra, de mesmo nome, consegue emocionar todos pela simplicidade empregado em cada detalhe do filme.. Talvez por ser o dono daquelas personagens tudo fica mais pessoal e por isso daí ele consegue extrair tudo o que acha necessário dos atores e atrizes. As falas são sempre pontuadas de uma certa emoção pessoal, como se aquilo que os atores representando também fosse algo que eles já tiveram a oportunidade de passar; na verdade, com certeza devem ter passado. As cenas passam sempre um ar meio de tristeza e ao mesmo tempo invertem e começam a mostrar-se mais animadas e alegres.

Felicidade e tristeza são o prato principal dessa ceia. Sempre alguém vai estar passando alguma coisa, isso que pra mim parece ser um modo de dizer que a vida é recheada de pesares mas que no final tudo acaba, de um jeito ou de outro, em felicidade. Mas não aquela felicidade de que todos pensam, e sim a aquela que a gente esquece que existe.

Logan sabe como dar vida a sua personagem que vive em estado de euforia e desilusão, conseguindo mostrar que tem talento para atuar e que não está fadado ao insucesso de personagens como os de Percy Jackson (eu gosto do livro, o filme é um fiasco). Achei que ele combinou bem com a personagem e que não ficou com aquela cara insossa de sempre. Emma, como sempre, esbanjou carisma e em momento algum do filme eu cheguei a compara-la com a Hermione. Ela ainda tem um futuro pela frente e não sei porque nunca foi elogiada como a Jennifer Lawrence. Ezra Miller encorpora o agitado e descabido gay, que traz uma comicidade a estória.

Resumindo o filme tenta passar as agouras da adolescência, mostrando todos os lados, da menina submissa, dos que se escondem por terem vergonha do que são, dos que são sozinhos por não ter escolha, tudo isso embalado por musicas melosas e tristes dos anos 80 e 90. Filmes assim acabam com o meu dia, não por serem ruins mas por que me deixam com uma sensação tão grande de vazio. Algumas coisas ficaram sem explicação – tá, não tiveram a explicação que eu queria – nada de muita importância, coisas que eu queria apenas um final mais explicito; mas dá pra imaginar.

É um filme bom, muito bom, que eu recomendaria a todos e já deixaria claro que pega bem o lado do drama. Enfim, como uma personagem diz, e adaptado por mim “temos o que achamos que merecemos ter”. Se você achar que essa resenha foi boa – ou que o filme é bom – é simplesmente a sua vontade e não a dos outros.

Até a próxima resenha. 🙂 !!!

 

Trailer:

 

Ps: Desculpa se a resenha não foi muito boa, eu ando meio irritado por achar que não sirvo pra resenhar e até me livrar desse pensamento é uma chatice, rsrs.
Anúncios

2 pensamentos sobre “Resenha: As Vantagens de Ser Invisível – Stephen Chbosky

  1. Eu li o livro e vi o filme, já fiz resenha dos dois em meu blog.
    O livro eu detestei com todas as minhas forças, você nem faz ideia. kkkkk
    Mas o filme foi melhor, gostei mais do filme. Talvez por gostar dos atores…

    Até 🙂

Que tal comentar o passeio?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s